Scroll Top

Destaques

Dicas Para Prevenir Cãibras Um Dor Chata Que Causa Muito Dor

Dicas Para Prevenir Cãibras Súbita e esgueirada, o cãibra vem quando você menos espera. Embora os especialistas ainda discutam as causas dessa contração muscular violenta e involuntária, já existem algumas pistas importantes para a compreensão.

Cramp tipicamente se manifesta na prática da atividade física, especialmente se o atleta é, digamos, mal condicionado – ou mal alimentado. “As pessoas que exageram no tempo ou na intensidade do exercício sofrerão cólicas devido à falta de vitaminas e minerais, o que resulta em fadiga muscular”, explica o educador físico Renato Dutra, supervisor técnico da Run & Fun Assessoria Esportiva em São Paulo.

A escassez de oxigênio dentro da circulação contribui adicionalmente para o cansaço extremo atual dos músculos. “É por isso que a respiração adequada é importante durante o exercício”, diz o fisioterapeuta Robert Velentzas.

A transpiração da atividade física é outra questão que ajuda a desencadear cólicas. “A perda excessiva de sódio pode causar contração muscular”, diz o fisiologista Turibio Leite de Barros, da Universidade Federal de São Paulo. Mas muito exercício sozinho não é suficiente para explicar o início dessas contrações pouco frequentes. Dentro do ambiente esportivo, os consultores sabem que a finalidade da pergunta pode estar no que você bebe – afinal, no que você não está bebendo. “A desidratação é decisiva para a ocorrência do assunto”, diz Barros nessa Dicas Para Prevenir Cãibras.

A transpiração e o excesso de urina causam perda de sódio e outras partes. E o corpo usa essa substância muscular quando está fora das reservas de energia “, explica Cohen.” Isso gera uma resposta nervosa que acaba em estresse mecânico e contrações involuntárias. “Isso é … cólicas!

Infelizmente, não há tratamento específico para essas contracções. A melhor coisa a tentar é prevenir isso.

Para evitar a travagem essa Dicas Para Prevenir Cãibras

Dicas Para Prevenir Cãibras Um Dor Chata Que Causa Muito Incômado

1. Oferta de energia equilibrada
Coma muitas frutas, vegetais e vegetais, que são fontes de minerais e vitaminas. Esses nutrientes podem ajudar o músculo a funcionar corretamente no momento do esforço, além de garantir reservas de energia.

dois. Água e isotônicos
A hidratação prepara o corpo para a atividade física. Portanto, beba muita água. Para aqueles que exercem uma tonelada, é necessário trocar de sódio e potássio, daí a importância das bebidas esportivas durante o treinamento.

três. Condicionamento físico
Para suportar o passo, o músculo deve estar pronto. No entanto, isso não acontece durante a noite. Você deve acostumá-lo a exercitar durante semanas, meses … Só então ele se adaptará gradualmente a um regime de força e resistência.

O que tentar dentro da hora da dor?

Você quer ter visto a cena em um jogo de futebol muito: o jogador alonga o parceiro com cãibra. Esteja ciente de que este procedimento causará lesões mais graves do que a contração.

Na hora da dor, a tática precisa mais precisa é respirar profundamente, relaxar e massagear suavemente o músculo puxado, com movimentos para sempre circulares. “À medida que a sensação dolorosa diminui, então, você relaxará os músculos com movimentos leves, sem forçar, na outra direção da contração, sem deixar de respirar e massagear em círculos”, guia o educador físico Renato Dutra.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: